Dicas para combater e eliminar a celulite

Muitas vezes, a celulite é causada por toxinas (de uma dieta imperfeita) que reduzem a elasticidade da pele e desaceleram a circulação, por isso é conveniente comer uma grande quantidade de frutas e vegetais de várias cores brilhantes, uma vez que contêm a maioria dos os antioxidantes que ajudam a eliminar essas toxinas.

Alimentos que reduzem a celulite

As bagas são especialmente bons: pegue um punhado de framboesas, morangos, mirtilos e amoras com cereais na parte da manhã.

As bananas e mangas são famosos para melhorar o fluxo de sangue, o que ajuda a prevenir a celulite, então você deve levá-los o mais rápido possível, juntamente com papaya, que estudos ajuda a evitar danos nos tecidos sob a pele.

Os alimentos ricos em vitamina C também são excelentes para combater a celulite, já que o colágeno níveis de acionamento da pele; Isso melhora sua elasticidade e a mantém firme e firme.

Outros alimentos que fortalecem a pele são frango, toranja, tomate, maçã, espinafre, cenoura e abacate.

As gorduras boas ajudar a combater celulites, por isso você deve comer peixes oleosos como salmão ou cavala. O peixe azul contém ácidos graxos que ajudam o corpo a metabolizar a gordura (e a celulite também é perdida ao perder gordura).

As nozes são outra fonte de ácidos graxos e cheias de fibras. As fibras – alimentos ricos são importantes porque ajudam o corpo a digerir e eliminar os alimentos de forma eficaz.

Finalmente, eles também protegem os alimentos celulite conhecidos como “diuréticos”, que reduzem o inchaço e a retenção de líquidos . O acúmulo de líquido pode causar celulite; portanto, além de beber muita água, é aconselhável consumir alimentos diuréticos, como pepino, aipo, cebola e aspargo.

Alimentos que contribuem para a celulite

Excesso de peso não causa necessariamente celulite; Existem pessoas com sobrepeso que não têm celulite e pessoas magras , mas um excesso de gordura ao redor dos quadris, coxas e nádegas fará com que pareça pior, por isso é aconselhável manter-se com um peso adequado e reduzir os alimentos gordurosos. ingerir

Os alimentos gordurosos processados , como salsichas, queijos, biscoitos e bolos, são particularmente ruins; Eles geralmente estão cheios de aditivos, sal ou adoçantes, que aumentam o acúmulo de toxinas no organismo .

Alguns estudos indicam que a cafeína pode piorar a celulite , por isso é necessário reduzir o consumo de café, chá e cola, beber uma ou duas xícaras no máximo por dia.

Evite tabaco e álcool ; ambos causam toxinas no corpo e as bebidas alcoólicas contêm muito açúcar. O açúcar retarda a produção de colágeno na pele, portanto, reduzir seu consumo é uma boa maneira de evitar rugas e celulite.

Truques para reduzir a celulite

Lojas e farmácias estão cheias de loções e cremes como o celumax para acabar com a celulite, mas se por acaso você não tenha condições de comprar esses produtos, as dicas abaixo te ajudará bastante.

  • Comece o dia com uma escovação de corpo seco ; Antes de abrir o chuveiro ou entrar na banheira, escove a seco o corpo inteiro, sempre na direção do coração, o que aumentará bastante a circulação e ajudará a eliminar toxinas.
  • Use sabão de mamão e massageie áreas problemáticas todas as manhãs
  • Aplique um jato de água fria nas coxas antes de sair do chuveiro para atrair fluxo sanguíneo para a área. Em seguida, massageie bem as áreas problemáticas ao aplicar a loção para o corpo (uma loção barata é igualmente eficaz).
  • Exercite a parte inferior do corpo : o exercício não eliminará completamente a celulite, mas nos ajudará a perder peso, melhorar o fluxo sanguíneo e tonificar o corpo. Correr e andar de bicicleta são exercícios ideais, pois trabalham coxas, quadris e nádegas
  • Para a celulite nos músculos e nádegas, os melhores exercícios são passadas (15 vezes com cada perna) e agachamentos (20 repetições); Eles podem ser feitos em qualquer lugar e leva apenas alguns segundos.

Plano alimentar contra a celulite

Tome um café da manhã, almoço e jantar diários e dois lanches com os alimentos certos, conforme indicado acima; beba entre 1,5 e 2 litros de água por dia; e evite chá e café.

Inclua no cardápio os alimentos certos na menopausa

Se você sofre muito com os sintomas da menopausa, sabia que a sua alimentação pode te ajudar a aliviar tudo isso? Pois é! Por isso, inclua no cardápio os alimentos certos nesse período.

Descubra aqui quais são e não erre, no momento de montar o seu cardápio:

Aveia

Por ser rica em fibras, a aveia ajuda a regular o intestino. Além disso, ainda possui a coenzima Q10, que é um antioxidante muito poderoso e também prevê o envelhecimento da pele.

A aveia para as mulheres que estão na menopausa traz mais energia e, com isso, evita o sintoma de fadiga.

Soja

Esse alimento faz muito bem para a vida das mulheres porque é rico em isoflavona, componente que supri a diminuição do estrógeno que acontece na menopausa.

Portanto, como a soja ajuda no equilíbrio hormonal, você terá a sensação da diminuição dos sintomas.

Salmão

Rico em vitaminas D, B12, A, B3, B5, ferro e ômega 3, o salmão contribui muito para a saúde das mulheres, principalmente, para o humor e a longevidade. Isso acontece porque o peixe aumenta os níveis de triptofano no seu sangue, um aminoácido responsável pela formação da serotonina, o famoso hormônio do prazer.

Linhaça

Como um dos sintomas da menopausa é o inchaço que as mulheres sentem, a linhaça tem um papel importante nesse período, já que tem muitas fibras dão uma sensação de saciedade e ajuda na regularização do intestino.

A linhaça também ajuda no controle hormonal, por ser fonte de lignanas, um fito esteroide que supre a diminuição do estrógeno no corpo da mulher.

Cereais integrais

Ricos em vitamina E, os alimentos integrais ajudam na vida sexual da mulher e também auxiliam a dar mais saciedade quando comparamos com alimentos feitos com farinha refinada, por exemplo. Com isso, o organismo terá o nível de açúcar no sangue controlado.

Óleo de prímula

Por ser importante na produção de estrógeno, a prímula ajuda a diminuir as famosas ondas de calor causadas pela menopausa. Além disso, a planta tem uma grande função analgésica.

Assista ao vídeo e conheça mais alimentos para incluir no cardápio para combater os sintomas da menopausa: